Como construir um networking internacional

17 de Agosto de 2018
Como construir um networking internacional

08/24/2018

Para quem tem como foco a carreira no exterior, uma estratégia baseada em networking é fundamental. Ela facilita e muito o processo de contratação.

Mas se engana quem pensa que basta sair trocando cartões com estrangeiros. Para que estes novos contatos profissionais se transformem em relacionamentos duradouros é preciso seguir alguns passos.

Ficou interessado? Então, siga a leitura do post e descubra o poder de um bom networking para sua carreira internacional.

Estude a língua e a cultura do país para o qual pretende ir

Não há possibilidade de se estabelecer um bom networking sem o domínio do idioma. Afinal, você precisará comunicar-se com desenvoltura com essa rede de relacionamentos profissionais que vai formar.

Porém, esse não pode ser um obstáculo para você. Hoje, é possível participar de uma reunião em espanhol, por exemplo, depois de três meses de curso.

Para isso, é fundamental matricular-se em um curso de Espanhol para Negócios, focado em seus interesses.

O melhor é procurar por um curso que possa, inclusive, fazer uma introdução na cultura do país para o qual você pretende ir. Na América Latina, por exemplo, cada país tem suas especificidades na hora de fechar um contrato.

Além disso, atualize-se a respeito da política, economia e outros temas daquele lugar. Até mesmo uma conversa sobre futebol pode ajudar na hora de formar um networking. O importante é estar preparado e seguro para iniciar uma conversa.

Utilize a tecnologia a seu favor

Hoje, existem inúmeras ferramentas tecnológicas que ajudam a aproveitar da melhor maneira possível contatos feitos em uma viagem ou uma reunião de negócios, por exemplo. Além disso, redes sociais como o LinkedIn podem contribuir para a manutenção desses contatos.

E lembre-se: a tecnologia reduziu distâncias. O FaceTime ou Skype permitem uma reunião com quem está do outro lado do oceano.

Mas você deve estar atento, porque se seu objetivo é formar networking, é muito importante que mantenha uma postura profissional, observando desde o vestuário, local onde fará a reunião, até a maneira de falar – que inclui o domínio do idioma em questão, como já vimos.

Acerte nos contatos

Não basta fazer contato. Precisa ser com as pessoas certas! E essas não são apenas aquelas que tomam a decisão de contratar. As chamadas “pessoas-meio” também são de extrema importância. Existem três tipos que devem fazer parte do seu networking:

  • informantes – são as pessoas com informações que você precisa ou que sabem que as tem. Aproveite para fazer ao informante todas as suas perguntas;
  • intermediários – que garantem a aproximação entre você e o tomador de decisão. Estimule o intermediário para que ele o leve até quem você quer;
  • influenciadores – que emprestam seu prestígio para que você chegue ao tomador de decisão. Você pode citar o influenciador intencionalmente logo no começo da conversa.

Enfim, seguindo esses passos, você conseguirá formar um bom networking internacional e, assim, começar sua carreira em outro país.

E lembre-se de que a Espanhol Fluente pode ajudá-lo. Preparamos profissionais que estão em busca de uma oportunidade no exterior ou que querem alavancar a carreira por meio do idioma. Entre em contato conosco e conheça nossa metodologia exclusiva.

 
 Compartir noticia